Saiba
Conheça os 5 sintomas que avisam que a menopausa está chegando
Todas as mulheres devem passar pela menopausa, mas nem sempre é fácil identificar a chegada desse momento.

Publicado em 27/10/2020 11:48

Foto/Reprodução


menopausa costuma trazer muito desconforto ao organismo da mulher. Muitas pessoas não sabem, mas todos os óvulos que a mulher vai produzir ao longo da vida já estão presentes desde o seu nascimento. Quando uma menina nasce, ela tem cerca de 1 a 2 milhões desses folículos (células germinativas). Contudo, a cada ciclo, vai perdendo parte dessas células.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Uma curiosidade é que na primeira menstruação o número desses folículos pode chegar a aproximadamente 400 mil, bem menor que o presente nos momentos iniciais da vida. Quando os folículos acabam, a mulher não produz mais óvulos, o que acaba levando a uma queda de hormônio e fim da fase reprodutiva da vida.

Isso ocorre porque os folículos são os principais responsáveis pela produção hormonal na formação dos óvulos. Quando esse processo chega ao fim, eles reduzem de maneira drástica. No entanto, antes de chegar ao fim, o corpo dá alguns sinais de que a menopausa está se aproximando. A fase que antecede o último ciclo da mulher é chamado de climatério.

Veja abaixo alguns sinais no corpo que indicam que a menopausa está próxima.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

1 – Menstruação irregular

A irregularidade do ciclo é um dos grandes sintomas da menopausa. Pode ocorrer de começar a falhar um mês ou dois. Isso ocorre pela baixa de hormônios no organismo. Vale ressaltar que existem exceções e algumas mulheres mantêm o ciclo normal.

2 – Calor

As ondas de calor são um dos sintomas mais relatados nesse período. Elas aparecem de maneira inesperada e provocam crises de calor, atingindo especialmente a parte superior do tronco, rosto e pescoço. A pele pode ficar avermelhada e a mulher começa a suar. A duração é de entre 30 segundos a cinco minutos.

3 – Oscilação de humor

Esse também é um indício comum e acontece devido à questão dos hormônios que sofrem queda nesse período. São observadas sensações de ansiedade, irritabilidade, choro e melancolia.

4 – Mudanças urogenitais

Muitas mudanças podem ocorrer na mulher, entre elas estão a incontinência urinária, dificuldade em esvaziar a bexiga, infecções na uretra e bexiga também podem acontecer com mais frequência e redução da libido.

5 – Alteração do sono

Algumas mulheres podem ter dificuldade na hora de dormir e isso tem relação com o estrogênio que ajuda a regular o sono da mulher. Além disso, as ondas de calor também acabam interferindo na qualidade do sono a noite.

Tratamento

É importante que a mulher procure ajuda médica para poder passar por essa fase de uma melhor forma. A terapia de reposição hormonal pode ajudar no alívio dos sintomas. Manter uma alimentação saudável e bons hábitos também ajuda a minimizar o desconforto dessa fase.

via 1 News

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -


COMPARTILHAR NO WHATSAPP